Diogo, Glauco e JP

Os meninos me receberam há alguns meses atrás, se não me engano, foi em julho quando visitei a casa dos três. Eu conhecia apenas o Diogo, por conta do seu trabalho na Emoriô, sua pequena marca de quadros e detalhes para casa. Mas chegando por lá, acabei conhecendo o Glauco e vi alguns rostos já conhecidos do Casa Aberta nas fotos da geladeira. Acho que fico ainda mais contente de visitar uma casa quando vejo que ela é de amigos que fiz pelo projeto. Parece que vou me conectando em uma rede nova de pessoas. E os meninos foram assim, me contando casos de onde vieram, de seus trabalhos e da casa. Já algum tempo depois, chegou o JP, no seu intervalo do trabalho, fizemos a foto oficial da casa e o Glauco saiu apressado para uma reunião.

Voltei a ficar só com o Diogo e ele foi me contando mais detalhes sobre a casa, sobre as características de cada um deles e como cada um dos três moradores conseguiu estampar seu estilo pela cansa. Contou rindo que talvez o Glauco perdeu um pouco, já que ele era o único que preferia uma casa mais limpa, enquanto o Diogo e JP queriam encher a casa de quadros e detalhes.

Casa Aberta 01


Casa Aberta 02

Casa Aberta 04

Casa Aberta 05

Casa Aberta 06

Casa Aberta 07

Casa Aberta 08

Casa Aberta 09

Casa Aberta 10

Casa Aberta 11

Casa Aberta 12

Casa Aberta 13

Casa Aberta 14

Casa Aberta 15